21/12/2023 às 16h20min - Atualizada em 28/12/2023 às 00h00min

Um em cada seis profissionais de RH preveem redução do investimento na festa de fim de ano em 2023, aponta Ticket

Segundo levantamento da marca de vale-refeição e vale-alimentação, apesar do corte de custos, 75% das companhias terão festividades

Thais e Silva
www.ticket.com.br
Divulgação

Pesquisa feita pela Ticket, marca da Edenred Brasil de vale-refeição e vale-alimentação, com 130 profissionais de recursos humanos revelou que 15% - quase um em cada seis - das empresas pretendem reduzir custos com as festas de fim de ano em 2023. Em 2022, este índice era de 7%. O levantamento mostrou, ainda, que 52%, manterão o montante investido (ante 63% ano passado) e 33% o aumentarão (versus 30% em 2022).

Apesar de ter aumentado a porcentagem de pessoas de RH que preveem cortes de orçamento, cerca de 75% afirmam que terão uma festa presencial de confraternização este ano. O dado representa um crescimento de 7% em relação a 2022. No levantamento realizado com pessoas trabalhadoras, apenas 28% optariam por uma festividade de fim de ano, se pudessem escolher, enquanto o recebimento de um cartão-presente para uso pessoal é a ação mais desejada, com 42%.

“Pesquisas com empresas e pessoas trabalhadoras são um importante termômetro para o alinhamento de expectativas em relação às ações previstas pelas equipes de RH no fim de ano, uma vez que essas iniciativas estão conectadas ao engajamento do público interno”, avalia Tatiana Romero, Diretora de Recursos Humanos da Ticket.

Entre os 26% das empresas que não farão festa este ano, 58% disseram que vão substituir a comemoração presencial por outras iniciativas, como valores em premiações e bônus (28%) e valores em dinheiro para custear almoços comemorativos para as equipes (13%). “O cartão-presente é uma excelente opção, pois permite que as pessoas colaboradoras comprem o que desejam, sendo aderente às legislações vigentes. Além disso, a Ticket oferece uma versão digital da solução, o Ticket Presente Perfeito Virtual, aceito nacional e internacionalmente. As companhias estão cada vez mais cientes da importância das ações de fim de ano na motivação, retenção e produtividade dos colaboradores. Este ano, 90% disseram entender essa relevância, 3% pontos percentuais a mais que em 2022”, finaliza a executiva.


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://cariocanews.com.br/.